Em ano atípico, Cinema da Fundação se reinventa e realiza atividades online

12 de janeiro de 2021

Em um ano atípico com as dificuldades impostas pela pandemia da Covid-19, o Cinema da Fundação conseguiu se manter como um dos mais importantes equipamentos culturais do país. Detentor das primeiras salas a fecharem antes do agravamento da pandemia, o cinema também foi o primeiro a antecipar seu protocolo de segurança e reabrir no estado.

Sem nunca deixar de dialogar e atender ao público, a Coordenação de Cinema e Cinemateca Pernambucana desenvolveu uma série de atividades on-line e gratuitas durante os sete meses de fechamento de suas salas de exibição, iniciado em 17 de março. Os espaços foram reabertos em 08 de outubro (Derby) e 19 de novembro (Museu), respectivamente. Com o final, em 20 de dezembro, da sua 23.a Mostra Retrospectiva/Expectativa, o Cinema da Fundação entra no seu recesso anual e só deverá reabrir suas salas ao público a partir fevereiro de 2021.

Pelas suas redes sociais – Site, Instagram, Facebook e Twitter – a coordenação manteve contato permanente com o público, com postagens constantes sobre cinema internacional, nacional e pernambucano.

Durante a pandemia, o cinema inovou e realizou o FestCurtas Fundaj – I Festival de Curtas Nacional Online da Fundação Joaquim Nabuco, que recebeu a inscrição de mais de 500 filmes e contabilizou mais de 105 mil acessos de todo o país em apenas seis dias do festival.

Com entrevistas sobre produções do cinema pernambucano, foi lançada também a série online e ao vivo Cinema Convida, projeto de lives que realizou transmissões semanais no Instagram, expandindo o contato de realizadores renomados com o público de todo país.

A Cinemateca Pernambucana ampliou o acervo na sua plataforma digital, com a oferta de 297 filmes, entre longas e curtas, e dobrou seu link de acesso o que resultou em mais de 280 mil acessos durante o ano de 2020, num aumento de quase 740% por cento em relação ao ano anterior. Além disso, promoveu, em junho, o Curta Alumiar – Mostra Acessível de Curtas Pernambucanos da Fundaj para pessoas com deficiências visuais e auditivas. Foi oferecido também curso online de roteiro, e ainda lançamento ao vivo pela internet dos dois primeiros volumes da Cinemateca Pernambucana.







 

Em ano atípico, Cinema da Fundação se reinventa e realiza atividades online